17 de out de 2012

“Novos tempos, novo ciclo no Caminho do Amor... Aceitação”

Pintura em nanquim, obra da artista plástica Wânia Rodrigues,
criada para o ‘guá dos Amigos Espirituais’ no Espaço Matrix.

“Nesse momento da jornada abrem-se ‘as Portas do Céu’, o Trigrama Ch’ ien, o Pai, o Criativo, simbolizando os Benfeitores, a boa sorte”*.

O ‘guá dos Amigos Espirituais’ no “Espaço Matrix” anuncia um novo ciclo e sinaliza o Caminho do Amor, que é plena Entrega pela Aceitação.

Onde, “Amar e entregar-se são uma coisa só. Nós não podemos perguntar como amar, não podemos perguntar como se entregar. Isso acontece! O amor acontece, a entrega acontece”. (Osho)

Então, quando nos rendemos, o caminho do Amor também acontece, anunciando um novo tempo, um novo ciclo.
Onde, “pequenos ou grandes ‘milagres’ de sincronicidade e sorte começam a tornar-se acessíveis para o indivíduo. Lugares (Viagens) e pessoas (Benfeitores) influenciam-no constantemente, levando-o a compreender melhor o seu destino.*”

Porém, “é importante ressaltar que foi necessário ‘preparar o terreno’, ‘fazer a sua parte’, realizar o esforço de ir em direção a si mesmo para estar no Agora, onde ‘tudo flui’... como disse o grego Heráclito.*”

E, quando este centro do coração é estabelecido, não “perdemos mais a percepção das inspirações. Estamos sempre em condições de responder ao menor chamado que nos fale, como um secreto instinto, das profundezas da alma, que é espiritualmente viva”*.

Neste caminho espiral, onde os ciclos evolutivos se renovam, “a ajuda do Céu manifesta-se por meio da sincronicidade e inspiração, que estariam ao alcance do individuo nesse ponto da sua existência, potencializando a Missão, o Destino e fechando a Roda da Existência, que se repete muitas e muitas vezes” para que sigamos sempre além e Além...

E a Terra se faz Paraíso, a cada despertar, onde “o Trigrama Ch’ ien, que significa Paraíso, é o mais Yang e ativo de todos, traduzindo poder e confiança”*.

Poder e Confiança, gerados e mantidos, agora, pela energia do Amor, que transforma cada inspiração em realidade na Terra, permitindo que os ciclos transcorram no fluir gentil da evolução, aqui e agora, onde “tudo está perfeito sempre” (Ananda Prem).

* Feng-shui Kan Yu – Carlos Solano


Nenhum comentário:

Postar um comentário