20 de ago de 2013

ALMA LIVRE

Foto de Eliza Carneiro, parceira do Matrix

ALMA LIVRE...

É  paz profunda em cada respiração
É na magia de cada encontro, encontrar libertação
É ter compromisso com a vida, sem sentir obrigação
É viver sem nenhuma necessidade de aprovação
É ter a densidade de um corpo, mas flutuar como nuvem em qualquer situação
É não brigar mais com a razão em qualquer resolução
É ter a cabeça nos céus e os pés firmes no chão, sem nenhuma contradição
É confiança na vida alimentada pelo poder do coração
É amor em contínuo movimento em si e ao redor, pois não há mais separação
É criatividade viva em pura manifestação!
...
E como o beija-flor, de encontro em encontro, encontro a doçura em cada flor.
Leve, solta no ar, sem limites para voar, sigo o vento, polinizando, semeando Amor em cada movimento.
E minha Alma é livre... Pura Alegria de Viver!


Em Gratidão e Amor à arte de cada encontro. 
Fátima Lee.
 

18 de ago de 2013

PERMITA que o SOL brilhe no Céu do seu Coração!

Haleakala  National Park - "House of the Sun"

 Sobreviver ou Viver?
A Vida é pra se viver e ela precisa da sua permissão para acontecer. 

A liberdade de permitir, nasce dentro do seu coração. E, ela não tem condições, por isso é livre.
Onde houver beleza, encanto, suavidade, alegria, entusiasmo, vontade e vitalidade, ali a Vida estará acontecendo, presente dentro de você, onde quer que você se encontre.  

Ela se torna imediatamente concreta no seu dia-a-dia. Você a perceberá no ato de respirar, caminhar, trabalhar, passear, viajar, porque ela estará te alimentando com a mais pura seiva de nutrição, o Amor, e sem nenhum esforço...

Permita que a Vida aconteça! 
Permita que o Sol brilhe no Céu do seu Coração!!

(Fátima Lee)

14 de ago de 2013

PELE, Vida Desperta em mim.

Vulcão Kilauea - Havaí.
Foto de Ricardo Kawano

Com os pés no chão da Terra aterrissei nessa existência.
Por um pequeno momento, num lapso de minha Eternidade, existi na existência, esquecida de minha Essência.
Senti-me só, incompleta, fragmentada... estava separada da Essência - a Vida em Eternidade.
Por instantes, perdi os sentidos. E existi, sem me sentir. Adormeci.

E, sonhei!
Sonhei que vivia!! E, era tão bom, mas ainda não era Real. Não sentia o pulsar do coração na minha pele, mas sentia o seu calor.
Eu estava diante de um vulcão, assistindo a sua ebulição, pronto para a erupção.

Então, acordei! Ainda um pouco sonolenta, levantei.
Toquei os meus pés no chão. Despertei. Agora estava Consciente.
Senti o calor do solo na sola dos pés.
Senti a pele pulsar, a "Pele" desperta.

"Pele", a Deusa vulcânica do povo polinésio do Havaí, que me chamava para a vida a retomar os sentidos:
"É hora de acordar para o seu potencial e força!!!!"

Então, respirei.
"Respirei fundo e soltei o ar, deixando ir com ele tudo o que precisava ser liberado. Inspirei profundamente mais uma vez e vi o vulcão". 

O vulcão, agora dentro de mim.

Então, "senti-me ligada ao âmago da Terra. Senti o fogo, a energia derretida no cerne da Terra vibrando em movimento", expandindo dentro de mim, vitalizando e energizando-me dos pés à cabeça, preenchendo todos os espaços internos como ouro líquido que flui para dar forma a uma jóia.

Agora, a mais preciosa de todas: a VIDA, pura Essência fluindo. 
Pronta para brilhar e reluzir AMOR!!
(Fátima Lee)

* O Oráculo da Deusa - Amy Sophia Marashinsky
PELE - "Despertar" - Deusa Vulcânica do povo polinésio do Havaí.

8 de ago de 2013

Permissão para a COLHEITA - semeando Amor, colhendo Amor.




Quando permitimos o revelar e compartilhar de nossa abundância sagrada, que é todo o Amor que por muito tempo foi contido e guardado dentro de nós, uma alegria profunda nos toca e, nesse instante sagrado, não há mais nenhuma necessidade de juízo ou razão. Há, sim, uma infinita vazão para o 'campo de todas as possibilidades', nesse movimento de libertação que move tudo o que é sagrado.
Então temos uma certeza, "Sim, todo Amor é sagrado e os frutos do trabalho, são mais que sagrados" nessa expressão de Amar. 

E, quando aceitamos que o Amor é a nota fundamental que mantém a coesão de toda forma e que essa é a única Realidade a ser vivida, tudo ao nosso redor toma novas proporções - incomensuráveis!
A começar por nós mesmos, quando permitimos o vibrar desse Amor em nós, preenchendo nossos vazios de nova vitalidade, força, energia e alegria restauradora que nos faz perceber o quão sagrados também somos.
E, então, por sintonia, nos conectamos a tudo o que é sagrado em nome desse Amor. 

E, percebemos quantas bênçãos nos são disponíveis quando nos abrimos para a permissão da colheita - os frutos desse Amor agora revelado - que nos chegam nas mais variadas formas, muitas vezes de lugares longínquos, que transcendem tempo e espaço... e que nos tocam de forma inequívoca, sinalizando que a "Lei da Graça existe como a frequência superior à Lei Cármica" e que isso é possível, apenas aqui e agora.
Agora, colhemos e acolhemos em profunda Gratidão esses presentes da Vida, sempre disponíveis quando estamos Presentes na Vida.

"Quando ouvimos o chamado da alma entendemos que 'tudo o que move é sagrado' e assim, 'todo dia é de viver, para ser o que for e ser tudo'."

*  Texto de Fátima Lee
* Crédito da foto:

http://www.v3wall.com/es/html/pic_down/1600_1200/pic_down_45925_1600_1200.html