16 de nov de 2012

"Abrindo-me... num leque de oportunidades"

Foto de Eliza Carneiro

Quando me abro a mim mesma e entro em contato com meus sentimentos mais íntimos e mais autênticos, vivencio a Liberdade, pois minha mente está lúcida e meu coração está livre.

Livre como a garça na foto de Eliza Carneiro - que traz em seu simbolismo o anúncio de um novo momento de exploração e longevidade, onde não há mais limites pois a confiança e a reverência à vida permite o fluir - assim, também, sigo o meu curso.

Como as asas abertas da garça, a vida se abre num leque de oportunidades que se descortina a partir do novo foco, do novo enfoque que dou à vida - o meu coração.

Então tenho a certeza de que 'o que quer que eu faça' e 'onde quer que eu esteja' estarei sempre em casa, dentro do coração, onde sou capaz de equilibrar as múltiplas tarefas com dignidade ao retomar na auto-estima, a cura que o toque suave do Amor do coração provê.

* No oriente, 'Tsuru', cegonha ou grou é considerado um pássaro sagrado. Sua "vitalidade e exuberância simbolizam a juventude e longevidade de vida, trazendo paz, saúde e felicidade, sendo assim considerada uma ave de sorte".
* No ocidente temos as garças , que embora de espécies diferentes, são de famílias muito próximas e que também trazem em seu simbolismo, qualidades semelhantes que se complementam às do oriente: "longevidade, criação a partir do focar, confiança, exploração, auto-estima e equilíbrio nas suas múltiplas tarefas, dignidade."

http://ninha-paz.blogspot.com.br
http://www.celsofortes.com/Animais.htm
http://blog.suri-emu.co.jp/?p=128
Bióloga e fotógrafa da natureza Eliza Carneiro

Um comentário:

  1. "Novos Ares" no MATRIX com Paulo Cavalcanti:
    "Os novos ares dos novos tempos trouxeram uma nova realidade, uma nova possibilidade. Esse novo diz: “ nós somos criadores deliberados, num processo de co-criação infinita; nós estamos e podemos escolher todas as nossas experiências de vida a partir de uma nova geração de pensamentos (novas redes neurais = novas crenças, mais congruentes com o p
    ensamento desse novo tempo).
    Construir um tipo de pensamento mais adequado a esses novos tempos, algo que nos permita ser e ter tudo que desejamos, sem medo de errar e sem culpa ou vergonha do que já fizemos.

    O Universo é pura misericórdia e compaixão, esse é o exemplo que observamos presente em toda natureza.
    E essa compaixão infinita nos exorta a acelerarmos esse processo em escala muito alta, porque já não estamos mais no tempo da demora e da lentidão. Urge resolvermos de uma vez por todas as nossas pendências emocionais e inaugurar um novo ciclo, mais moderno, mais amparado pelas leis da natureza, produzindo e criando tudo com muito menos esforço, muito mais harmonia e sincronicidade.

    Então mesmo quando num estado de bem aventurança surgirem desarmonias, e vier aquela suposta frustração, vamos lembrar que na verdade essas energias malbaratadas são apenas placas indicativas dizendo: vocé está conseguindo continue naquele caminho, esse atalho que você pegou foi apenas uma distração e se você quer chegar naqueles objetivos iluminados, você deve corrigir a rota (subir na escala emocional) e saber que a matriz da perfeição daquilo que você idealizou está pronta, consumada, apenas esperando por você!!! Saber que voltar a se animar ou apenas olhar para o topo da escalada das emoções, fazendo alguma ação que faça você se sentir bem, vai corrigir a rota, ajudar a retornar para o caminho e vai acelerar o processo de realização!
    Em outras palavras, vai fechar a lacuna que existe, entre onde vocé se encontra e onde você quer chegar.
    O tempo na verdade é criado e só existe por nossa própria conta. Toda experiência aqui na Terra, é antes criada dentro de nós, trata-se de um padrão vibracional.
    O mais importante foi, é e será: Sentir-se Bem!" Paulo Cavalcanti - Metaself

    ResponderExcluir