15 de fev de 2013

"Deixando pra trás: Ex-pectativas e Ex-igências"



Num mundo permeado de expectativas e exigências, onde o conhecimento do mundo externo se sobrepõe ao conhecimento do mundo Interno, acabamos reféns de nossas próprias criações.
Sabemos  'de tudo  um pouco' do que está à nossa volta e 'muito pouco' de nós mesmos dentro desse processo que denominamos conhecimento.

Esquecemos que o verdadeiro Saber se efetiva através da experiência integrada nos  mundos  - externo e interno.  'Vivemos', cá no mundo externo, na maioria do tempo desconectados de nosso mundo interno.  

E, assim, mal sabemos o que verdadeiramente sentimos, pois crescemos com a ideia de que 'temos que' ser fortes, como 'leões' defendendo 'nosso'  território externo, às custas da integridade do nosso território interno. Deixamos de lado ou ignoramos nossas verdades internas, nossas intenções mais puras. Muitas vezes, ficamos sem saber o que de fato queremos, o que de fato nos faz felizes, pois aprendemos a evitar esse sentir, mal-definido pelo sinônimo 'fragilidade', num mundo que 'exige' uma força quase bruta para a sobrevivência.

Porém, esse tempo, há muito, já passou  e essa memória ancestral, às vezes parece mais viva do que nunca, num mundo que já mudou! Onde, continuamos a construir nossas realidades baseadas em impressões do passado!
E, como podemos conceber a VIDA como PRESENTE, se o nosso viver se divide entre as impressões do passado e as expectativas do futuro?

É chegado o momento de abandonar as "exigências" do externo para ouvir a nossa 'necessidade urgente' interna.
Dar um basta nas "expectativas", pois 'Esperar não é Saber', pois já dizia Vandré - 'quem sabe faz a hora, não espera acontecer'!!!
É chegada a hora de ampliar a nossa 'mente limitada' integrando-a ao poder 'ilimitado do nosso coração'.
E, sejamos, definitivamente, felizes!!!!

*Expectativa - Ato ou efeito de expectar = ESPERA
*Exigência - Necessidade urgente

Nenhum comentário:

Postar um comentário