11 de set de 2013

MATURIDADE é amadurecer em AMOR e AMAR é entregar-se à Vida, sem condições.

Foto de Eliza Carneiro

 As circunstâncias e os cenários dos nossos dias fazem parte do nosso processo de vida como instrumentos de nossa transformação diante do que nomeamos Maturidade. 

Mas, podemos passar uma vida inteira de experiências, sem contudo amadurecermos, verdadeiramente, para a vida. A quantidade de experiências ou de anos vividos não nos garante o exercício real da Maturidade na resoluções dos nossos desafios mais intrínsecos.
E, apesar de muitas vezes, insistirmos em soluções paliativas, tocando apenas a superfície do que viemos trabalhar, a Vida sempre nos convida a encontrarmos a profundidade em nós mesmos.

Então, quando deixamos de resistir e nos entregamos para a experiência na forma mais genuína, tocamos a essência mais profunda dentro de nós: o Amor.
E, a partir desse momento, tudo se transforma.

A Maturidade verdadeiramente acontece, quando amadurecemos para esse  Amor dentro de nós!
E, então, a Verdadeira Transformação alquímica acontece neste Universo interno e, em Amor, regemos a própria Vida.

AMAR é Entregar-Se à Vida, sem condições.
(Fátima Lee)
 
"O Amor deve ser como a respiração. Deve ser apenas uma qualidade em você, onde quer que esteja, com quem esteja, ou mesmo se você se sentir sozinho, o amor deve transbordar de você. Não é uma questão de estar amando alguém, é uma questão de SER Amor." OSHO

Nenhum comentário:

Postar um comentário