2 de set de 2016

A Vida como Poesia

Foto de Eliza Carneiro

Minha Vida é Poesia
E mesmo sem saber, eu já sabia
Desde muito jovem, já estava nas entrelinhas dos meus dias
Na forma como eu me comunicava através das linhas de um caderno qualquer,
E principalmente na forma como eu vivia:
Sempre sonhadora, nutrida pelos sentimentos mais doces
Que me abasteciam de vitalidade e alegria

Por algum tempo, deixei de olhar pra isso como fonte principal de meus dons e outros rumos segui
Mas a Poesia da Vida sempre esteve em meu coração como minha grande inspiração
Da Odontologia à Terapia encontrei novos caminhos e para novas Oportunidades renasci
Todo caminho é certo, mesmo quando nos percebemos incertos
Afinal, o certo e o errado são faces da mesma moeda,
E todas elas me fizeram retornar ao cerne de mim mesma, minha essência
E compreendi tudo como uma grande Providência
Agradeci

A Vida é uma dádiva de Oportunidades, desde o momento em que nascemos
Quando  a cada experiência, renascemos
Integrando a juventude representada pela "cara" e maturidade da "coroa"
Onde perde-se a noção de tempo e espaço
Ao descobrimos que somos infinitos
e que toda idade traz em si a eternidade
pra se revelar todo talento, quando seguimos o movimento
Daquilo que faz despertar o sonho para a nossa mais pura Verdade
E assim minha Vida segue em Poesia, essa é minha Realidade.

Fátima Lee

Nenhum comentário:

Postar um comentário